Clone de máquinas com UDPCD

O Servidor

Este processo descreve como configurar a máquina para agir como servidor.

Esta é a máquina que tem o sistema operativo instalado, bem como todos os programas necessários para desenvolver tarefas nesse local. Esta será a máquina clonada. Todas as máquinas que forem configuradas como clientes, iram ficar com uma cópia exata do disco desta máquina.

O processo de configurar a máquina para enviar os dados, agir como servidor, é basicamente o mesmo. Mudando apenas, a partir do menu que nos permite escolher, se a máquina irá enviar dados ou recebe-los. Selecionamos a opção “snd” e premimos “OK“, para que ela se configure para enviar dados.

A seguinte imagem, mostra o menu que nos permite configurar a máquina para enviar os dados.

Após aceitarmos com “OK” o UDPCast envia uma mensagem de broadcast, para que todas as máquinas que estejam configuradas para receber dados se deem a conhecer pelo seu IP. A seguinte imagem mostra-nos, que foi enviada a mensagem de broadcast, para o endereço 10.0.255.255, que é o endereço de broadcast. Este endereço foi calculado pelos dados de IP e Mascara de rede que configuramos as máquinas. Neste caso configurei o servidor com o IP 10.0.0.1 e com a mascara de rede 255.255.0.0.

Neste momento o UDPCast já está pronto a enviar dados para todas as máquinas que se deram a conhecer. Neste exemplo apenas um cliente respondeu. Que foi o único que configurei, com o IP 10.0.0.2.

Para iniciar o processo de clonagem temos apenas de premir uma tecla qualquer.

Após premirmos uma tecla é iniciado o processo de clonagem. A seguinte imagem mostra esta informação.

Neste momento só temos de aguardar que o processo de clonagem termine. Quando terminar, reiniciamos as máquinas e teremos duas máquinas iguais.

E como podemos ver é bem fácil clonar discos com a distribuição UDPCD. Quando se pretende clonar muitas máquinas de uma só vez o UDPCD é um excelente utilitário.

Deixe uma resposta